Religião, Mangás e Animes

Os #Mangás representam mais de 40% de todas as revistas e livros publicados no Japão. Além disso, 40% dos filmes produzidos no Japão são #Anime. Isto torna esse mercado maior do que a produção de quadrinhos na América. 

Com a pandemia o consumo desse tipo de conteúdo cresceu ainda mais nos países ocidentais.

Mas, a questão desse artigo é se os Mangás e Animes são conteúdos recomendados para cristãos? Essa é uma dúvida frequente de pais, educadores e até mesmo entre os adolescentes.

DEFINIÇÃO

Mangá é o nome dado às histórias em quadrinhos de origem japonesa.  Já os animes são os desenhos animados, que podem ser filmes ou séries.

Existem vários gêneros de Mangás e Animes, tais como comédia, terror, drama, ficção científica, erótico etc. Cada com seu nome específico, tipo: kodomo, shojo, shonen, etc.  

O universo dos Mangás e Animes é amplo e vamos focar apenas no aspecto religioso. Para entender alguns Mangás e Animes é necessário conhecer um pouco da religião e mitologia japonesa.

RELIGIÃO

A cultura japonesa é muito diferente da ocidental.

Enquanto a cultura ocidental surgiu historicamente de raízes monoteístas e herdou o código moral cristão, as culturas do Extremo Oriente como o Japão se inclinam para a superstição mística e o politeísmo, do xintoísmo e budismo.

Por exemplo, o xintoísmo considera que o povo japonês é descendente direto dos muitos deuses e espíritos (kami) que vivem em todas as ilhas. No budismo a vida é um ciclo infindável, os seres morrem e renascem e os ancestrais mortos precisam ser honrados e venerados.

Esses e outros temas são muito comuns nos animes e mangás. Neles, a cultura religiosa japonesa serve de cenário para aventuras de fantasia nas quais o mundo espiritual e a humanidade se misturam.

Dada a base mística da cultura oriental, os animes e mangás também tendem a empregar elementos do ocultismo, encantamentos, e muito mais.

CRISTÃOS E MANGÁS

Embora possa haver muitas coisas questionáveis em alguns animes e mangás, há cristãos que os defendem fortemente.

Eles apreciam o estilo, os cenários futuristas ou a narrativa fictícia, e percebem alguns temas morais e bíblicos como o auto sacrifício, a bondade, a lealdade, a resistência e a coragem.

Ainda que a cultura oriental esteja arraigada nesses desenhos, existem os que abordam outras religiões, como o cristianismo.

A variedade de mangás e animes é enorme e não se pode generalizar. Alguns colidem com a cosmovisão cristã, mas outros estão em conformidade.  

ASSISTIR OU NÃO ASSISTIR

Essa é uma decisão individual ou familiar, mas que pode seguir uma das opções abaixo:

  1. Evitar. É a decisão que defende a rejeição completa desse tipo de desenho. (1 Tessalonicenses 5:22);
  2. Selecionar. Avaliar antes e não assistir o que for incoerente com a fé cristã. (Filipenses 4:8) ou
  3. Aceitar.  Assistir de forma crítica e desprezar o aquilo que for errado.  (1 Tessalonicenses 5:21)

Fontes:



Thomas, Jolyon Baraka. Drawing on Tradition: Manga, Anime, and Religion in Contemporary Japan. University of Hawaii Press. Edição do Kindle.

Busan K; Cusac, C. Anime, Religion and Spirituality: Profane and Sacred Worlds in Contemporary Japan. Equinox Publishing. 2014.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: